CULINARIA & POESIA== todos os poemas e fotos aqui publicados sao de minha autoria e as receitas, nao sendo originais, todas tem um toque muito a meu jeito.
Quarta-feira, 28.09.16

20160830_190233_Hurst Lane.jpg

Lembrei os tempos de infancia

Os seus sabores e os cheiros

E mesmo a esta distancia

Degustei doces caseiros

Vi minha mae debrucada

Mexendo sobre o fogao

Acucar e a tomatada

mais a casca de limao

Fiquei para ali a cismar

E la me decidi, entao

Os tomates apanhar

E manter a tradicao

 

1.5 kg de tomate ( depois de arranjado)

1 kg de acucar mascavado

3 paus de canela

a casca de um limao

uma colher ( de cafe ) de extracto de baunilha

 

Juntei tudo numa panela e coloquei no fogao tendo o cuidado de ir mexendo para nao pegar.

Quando a mistura atingiu o " ponto estrada " , apaguei o fogao.

Chama-se ponto estrada, porque se colocar um pouco num prato, e arrastar uma colher por cima, fica uma estrada.

Coloquei o doce em frascos previamente esterelizados, fechei-os bem , e virei-os de pernas para o ar, e assim ficaram durante 24 horas, afim de ganharem vacuo, para conservar o doce.

Tem validade de cerca de um ano.

Depois de aberto deve guardar no frigorifico e consumir em um mes.

 

 

 

 

 

publicado por sopa-de-letras às 20:53 | link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 21.05.15

batata-doce.jpg

 http://pt.wikipedia.org/wiki/Batata-doce

 

Sou doce e amarelinha

Nos Andes tenho as raízes

Posso encher a barriguinha

A gente de muitos países

20150521_134039.jpg

 

 

20150521_134425.jpg

20150521_140349.jpg

20150521_140356.jpg

6 ovos

500 gr batata doce ( depois de cozida)

500 gr de acucar

400 gr de farinha

250 gr de margarina

250 ml da agua onde cozeu as batatas doces

1 colher de sopa de fermento em po

1 colher de cha de essencia de baunilha (liquida)

***********************

forno a 180 graus durante 50 minutos

*****************************

Bate as gemas com o acucar e a margarina

Junta a batata doce, a farinha e a agua.

bate muito bem.

Fnalmente junta as claras em castelo, o fermento e a baunilha

Coloca em forma untada com margarina e polvilhada com farinha.

Vai ao forno.

**********************

Facultativo:

300 gr de batata doce que cozeu juntamente com as outras, cortadas em rodelas grossas, colocadas sobre a massa, antes de entrar no forno.

 

 

publicado por sopa-de-letras às 14:14 | link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 19.08.14

 

NAO SAO DE MINHA AUTORIA

 

Encontrei na pagina do facebooK" I'M addicted to You ", estas pequenas maravilhas , e nao resisti.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por sopa-de-letras às 07:48 | link do post | comentar | favorito
Sábado, 16.08.14
 

20150614_192707.jpg

20150614_193004.jpg

 

 

 

 

Se hoje o dia correu mal

E precisa dum miminho

Vamos...levante a moral

Va cozinhar um docinho

 

Se, por acaso, se ajeita

E tem um gosto requintado

Siga a nossa receita

E va fazer um MORGADO

 

 

 

Ingredientes:

400g de Açúcar
6 Ovos
1 colher de sopa de Farinha
1 colher de sopa de Manteiga
250g de Amêndoa moída
200g de Doce de Gila
Açúcar em Pó q.b.
Fios de ovos

Preparação:

Bata os ovos com o açúcar.
Depois, junte a farinha e a manteiga, previamente derretida.
Continue a mexer, até ligar.
Por fim, adicione o doce e a amêndoa ralada.
Envolva bem e transfira o preparado para uma forma untada com manteiga, forrada com papel vegetal também untado e polvilhada com farinha.

Leve ao forno e deixe cozer. Quando estiver dourado e o palito sair limpo, retirar do forno.
Desenformar e cobrir com fios de ovos.

publicado por sopa-de-letras às 01:54 | link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 06.06.14
Jazem naquela panela
Vindos de varios lugares
A vaca, o porco e o peru
O borrego e os enchidos
E vamos ja tratando dela
Da couve e outros manjares
Se agora esta tudo cru
Em breve estarao cozidos.
====================
A carninha ja esta cozida
O nabo e a batata tambem
Tudo sem pressa ou fadiga
Que a cansera nao faz bem
As criancas chegam tarde
Nao ha que andar a correr
E a couve tambem nao ha-de
Demorar muito a cozer
======================
Embora eu sempre pense que toda a gente sabe fazer um cozido `a portuguesa, nao `e bem assim, por isso aqui deixo algumas dicas:
as carnes...
vaca
borrego
porco
galinha ou peru
chouriço vermelho e preto
farinheira
morcela
`E fundamental que fiquem com sal durante 24 horas antes de cozinhar( excluindo os enchidos)
Conte que, no total, cada pessoa consome cerca de 250 gr de carne
+++++++++++++++++++++
As hortaliças
batata
cenoura
abobora
nabo
couves ( hj usei uma branca, uma verde repolhuda e uma coraçao )
A minha mae costumava juntar canudinhos de favas, como se fosse feijao verde, dava-lhe um toque especial
Hoje nao lhedei o meu toque alentejano...um raminho de hortela.
++++++++++++++++++++++++++++
O arroz coze-se na agua onde cozeu as carnes e a hortalica
o feijao....usei de lata, aqueci num pouquinho do caldo tambem.
Usa-se a mesma agua para tudo
Primeiro coze as carnes
depois as hortalicas
finalmente o arroz
Guarde o resto do caldo, porque pode querer fazer uma sopa com o que sobrar do cozido
{#emotions_dlg.tongue}BOM APETITE
publicado por sopa-de-letras às 23:30 | link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

publicado por sopa-de-letras às 22:56 | link do post | comentar | favorito
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30
arquivos
2016
2015
2014
últ. comentários
Que bom ter a tua companhia E este morgado esta di...
Vim lanchar contigo. Felicidades.
Obrigada Maria Letra e um bom dia para si. Quase s...
Embora não goste de comer carne, devo dar-lhe os m...
Posts mais comentados
2 comentários
blogs SAPO
subscrever feeds